CARAS Brasil
Busca
Facebook CARAS BrasilTwitter CARAS BrasilInstagram CARAS BrasilYoutube CARAS BrasilTiktok CARAS BrasilSpotify CARAS Brasil
TV / NOVOS PROJETOS

Qual será o destino de Carolina Dieckmann após encerrar contrato com a Globo?

Com o final de contrato fixo com a emissora dos Marinhos, muito se especula sobre os próximos passos profissionais de Carolina Dieckmann

Felipe França
por Felipe França

Publicado em 02/02/2024, às 17h05

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Carolina Dieckmann encerrou contrato de exclusividade com TV Globo - Reprodução/Instagram
Carolina Dieckmann encerrou contrato de exclusividade com TV Globo - Reprodução/Instagram

Após mais de 30 anos na TV Globo, na última quinta-feira, 1, a atriz Carolina Dieckmann (45) passou a integrar a lista de artistas que encerraram contrato fixo com a emissora. Agora, muito se supõe sobre quais serão os novos projetos profissionais da loira? Que já estaria em negociações, mas ainda nada definido ou confirmado. 

Carolina usou suas redes sociais para comunicar o fim desta forma de contrato de trabalho com a Globo, apesar do encerramento, ela não está finalizando projetos futuros na emissora, pelo contrário, essa é apenas uma mudança na forma de contratação, que agora será por obra. 

Inclusive, uma seguidora questionou a atriz se teria algo a caminho no streaming, ao que ela prontamente respondeu “não tenho a menor ideia, pois agora tenho um novo horizonte de oportunidades", compartilhou a atriz em suas redes sociais.

Trabalhos na Globo

Carolina começou na TV Globo em 1992, ou seja, uma parceria de quase 32 anos, seu primeiro trabalho foi na minissérie “Sex Appeal”. Na trama, ela interpretava Claudinha. A primeira protagonista da atriz na TV Globo foi em “Tropicaliente” (1994).

Seu mais recente trabalho na Globo se deu no ano passado em “Vai na Fé” , onde viveu à advogada Lumiar. Esse foi o retorno da atriz em novelas após mais de cinco anos longe. 

Uma de suas atuações mais marcantes e lembradas até hoje foi em Laços de Família (2000), sua segunda parceria com o autor Manoel Carlos (90). Ela era Camila, uma jovem que descobriu uma leucemia. Durante a novela, Carolina chegou a raspar os cabelos, a cena foi imortalizada como um dos momentos mais clássicos da teledramaturgia brasileira.