CARAS Brasil
Busca
Facebook CARAS BrasilTwitter CARAS BrasilInstagram CARAS BrasilYoutube CARAS BrasilTiktok CARAS BrasilSpotify CARAS Brasil
Atualidades / BBB 24

Mãe de Davi acusa 'administradora' de ser espiã de rivais: 'Levava informações'

Davi sofreu um exposed após pagar apenas R$ 100 para uma administradora das redes sociais por serviços prestados enquanto ele esteve no BBB 24

Paulo Henrique Lima
por Paulo Henrique Lima

Publicado em 16/06/2024, às 22h28 - Atualizado em 17/06/2024, às 09h41

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Elisângela Brito rebate acusações de ex-administradora das redes sociais de Davi - Foto: Reprodução/Globo/SBT
Elisângela Brito rebate acusações de ex-administradora das redes sociais de Davi - Foto: Reprodução/Globo/SBT

Elisângela Brito, mãe de Davi, campeão do BBB 24, está inconformada com as novas acusações disparadas contra o filho. Na tarde deste domingo, 16, surgiram vídeos nas redes sociais em que uma administradora diz ter recebido apenas R$ 100 pelos serviços prestados ao baiano enquanto ele esteve no Big Brother Brasil. 

A social mídia, identificada como Bruna Ramos, usou seu perfil do Instagram para relatar a péssima experiência de trabalhar com familiares do ex-namorado de Mani Rego. Segundo ela, a situação serviu para escolher bem os próximos trabalhos.

"Eu sempre saí de reality muito bem comigo e com o participante, mas lidar com pessoas já é bem complicado. No BBB 24, eu trabalhei em três equipes, passei por duas em que fui muito bem recebida, de forma excelente em que fiz um trabalho livre, foi tudo perfeito. Mas, teve uma que foi bem complicado o processo. Eu aceitei participar da equipe através de um convite de um amigo que me indicou para a família e por identificação com o participante", conta. 

Leia também:Rodriguinho revela bastidor de viagem a Paris com Bruna Amaral: 'Aprendi a ser romântico'

"Eu me dispûs a essa ajuda, tinham pessoas excelentes comigo, eu Bruna fui desligada da equipe faltando 15 dias para o fim do programa pelo simples fato de que pessoas 'X' descobriram que eu fazia parte das equipes de outros participantes, sendo que se você quer que uma pessoa trabalhe de forma exclusiva, faz o contrato e paga o valor para isso. Se eu fosse esperar tudo que foi prometido teria me lascado hoje", descreve. 

"Quando eu fui desligada da equipe tive que ouvir poucas e boas, falaram que não precisava estar em outra equipe que iriam cobrir tudo no final quando pessoa X ganhasse e saísse [do programa]. A gente acredita nas pessoas, mas na vida real a parada é outra, as pessoas se transformam. Esse processo foi sofrido, tive crise de ansiedade, foi um baque e uma chateação que estou incrédula. No contrato foi acordado que seria voluntário, mas tem prints que no final a pessoa responsável falou que iria cobrir tudo. O campeão de reality show fez um pix de R$ 100, era melhor ter falado: 'Obrigado, pronto, acabou'", relembra. 

Procurada pela CARAS Brasil, a matriarca explica que todos os administradores das redes sociais de Davi eram voluntários e teriam se candidatado para atuação na equipe por livre e espontânea vontade. Ela ainda diz que todos sabiam das condições de trabalho desde o início e toparam fazer parte da equipe. 

"[Eles] eram voluntários. Ela era ADM de outros participantes e levava informações do grupo de Davi. Ao descobrir, foi retirada faltando duas semanas apenas", afirma Elisângela. "Ainda teve quebra de sigilo do grupo, mas a advogada cuidará disso", avisa. 

Questionada sobre o pix feito por Davi pelos serviços prestados pela profissional, Brito diz: "Não era pra receber nada. Espiã!". A reportagem procurou Bruna para comentar o posicionamento da mãe do campeão do BBB 24, mas não obteve retorno até a publicação deste texto.   

VEJA O DESABAFO DA EX-ADM DE DAVI NA ÍNTEGRA: